A orelha do meu bichinho está inchada, O que será?

blog07_orelha_inchada

OTOHEMATOMA: HEMATOMA NA ORELHA.

otohematoma02otohematoma01

Qualquer trauma na orelha de cães e eventualmente em gatos podem levar a formação do otohematoma. Esse pequeno trauma leva ao rompimento de um vaso (veia) na orelha e esse sangramento que ocorre sob a pele, leva ao acumulo formando essa “bolsa” de sangue.

Mas que tipo de trauma pode causar esse problema?

  • otites (inflamação e/ou infecção de ouvido) que levam a coceira Desenvolvem otohematoma de tanto se coçar.
  • brincadeiras entre cães com mordidas na orelha ou mesmo brigas e traumas podem desenvolver o otohematoma.

Qualquer inchaço na orelha é suspeito de um otohematoma. A área inchada geralmente é macia e quente e não tem sinal de dor ou alteração da cor da pele. A área pode ser pequena ou mesmo tomar toda a orelha. O primeiro passo é identificar a possível causa e se for uma otite (inflamação ou infecção de ouvido) essa deve ser tratada junto com o otohematoma.

Como tratar?

De imediato, o líquido pode ser drenado com uma seringa para diminuir o desconforto e incômodo do cão, mas muitas vezes esse líquido volta a se formar em poucas horas. Assim a indicação de cirurgia é muito comum para resolver definitivamente o problema.

otohematoma03

O seu veterinário é quem vai decidir a melhor forma de tratamento baseado na causa e no tamanho do otohematoma. Não raramente depois de curado a orelha pode ficar com fibrose, causando um “enrrugamento” da pele o que seria mais visível nos cães que tem a orelha em pé, como no caso do Pastor Alemão.

Lembrando que não adianta operar e não tratar a otite, pois ele vai continuar coçando e pode ocorrer recidivas do otohematoma.

Leave a Reply